FANDOM


Shuten Douji
ShutenWikia
Jogador Daniel Márcio
Arquétipo Juggernaut
Raça Ogrekin
Sexo Masculino
Idade Não lembra
Lugar de Origem Monte Oeyama
Nível Atual 2
Status Vivo
Relativos Ibaraki Douji

Shuten Douji é um dos personagens centrais do Arco III do Dragon Fantasy Saga RPG, no cenário de Grey Avalon e viajante de terras inóspitas.

Um tanto impulsivo e obstinado, ele viaja pelas terras de Grey Avalon com sua esposa Ibaraki, enquanto aproveita para degustar seus pratos e bebidas favoritas. Adepto das artes marciais, Shuten é um lutador nato e adora pôr seus limites à prova.

Shuten faz parte da tribo dos Shiki-Oni que vive isolada do resto do mundo, no alto do Monte Oeyama.

AparênciaEdit

Medindo cerca de 1,98cm e pesando aproximadamente 114 quilos, Shuten possui quase todas as características de um Ogrekin comum. A única diferença é que ele não tem nenhum chifre, o que faz dele uma exceção bem especial entre seus semelhantes. Seus olhos são de uma cor lilás intensa - sua cor favorita.

A roupa que Shuten veste parece ser bem tradicional e, provavelmente, serve para representar algum tipo de posição social em sua tribo, embora ele ainda não tenha dito nada sobre o assunto. Seu corpo é coberto por linhas de uma cor roxo-lilás, e também fazem parte de um tradicionalismo tribal que, pessoalmente, ele não gosta muito.

Por ser adepto das artes marciais, Shuten possui um físico muito bem preparado e saudável apesar de seus hábitos alimentares exagerados e um favoritismo à bebidas alcoólicas, como por exemplo o saquê.

PersonalidadeEdit

Até o presente momento, Shuten mostrou ser bastante impulsivo e, de certa forma, briguento. Especialmente em relação às provocações igualmente aborrecidas de Granbur. Porém, quando finalmente reencontra com Ibaraki, Shuten revela um temperamento mais aberto e despreocupado, aceitando até acompanhar o grupo até agora estranho por um pouco mais de tempo.

HabilidadesEdit

Durante a confusão em Nadarka e os embates contra as estranhas criaturas chamadas de Bagabu, Shuten mostrou que dá preferência por combates corporais enquanto usa seu próprio corpo como arma. Dominando um estilo de arte marcial que explora golpes esmagadoramente poderosos e movimentos velozes, Shuten consegue suprimir o ímpeto do adversário ao rapidamente nocauteá-lo com agarrões seguidos finalizações violentas ou golpes intercalados com saltos afim de surpreender o inimigo. Ainda não se sabe como Shuten aprendeu o que sabe, mas é evidente que ele tem muita confiança em suas habilidades e capacidade inatas.

HistóriaEdit

Pouca coisa foi revelada sobre Shuten até o momento além de sua origem. Como revelado[1] em um open up feito para ele, Shuten e Ibaraki são da tribo Shiki-Oni que reside no Monte Oeyama.

É evidente que existe alguma motivação por trás de suas viagens pelas terras de Grey Avalon e, apesar de Shuten e Ibaraki parecerem estar somente aproveitando algum tipo de férias, já foi notado uma certa apreensão misteriosa entre os dois, muito embora o motivo disto ainda seja uma completa incógnita.

Relação com Ibaraki Edit

Shuten e Ibaraki conheceram-se pela primeira vez durante um discurso[2] acalourado do ogrekin no Monte Oeyama. Em seu discurso, Shuten falava sobre liberdade e a vontade que tinha de não seguir todas as tradições da tribo, além de querer ver o mundo fora dali. Vaiado e dado pouco crédito, Shuten não foi levado a sério por ninguém, com a exceção de Ibaraki, que acreditou em seus ideais, partilhou deles e mais tarde tornou-se sua esposa.

Durante um dos open ups[3], Shuten também revelou ser bastante fã das habilidades culinárias de Ibaraki, contando para Silas sobre as iguarias que sua esposa conseguia fazer e um pouco sobre a dieta que tinham na tribo antes de fugirem.

Desde então, a relação dos dois tem sido de bastante cumplicidade, companheiros e cuidado um com o outro nesse novo mundo que estão conhecendo e enfrentando.

Arco IIIEdit

Junto de sua esposa, Shuten chegou a Nadarka despretensiosamente enquanto acompanhavam uma caravana de comerciantes. Sem ao menos saber do grande Festival de Celebração à Vida que iria acontecer no mesmo dia, os dois Ogrekin decidem degustar da culinária local e logo se envolvem nas festividades. Porém, assim que o ataque dos estranhos Bagabus começou, Shuten e Ibaraki foram separados após o grande choque com um meteoro que varreu a cidade.

Ao acordar, Shuten se viu rodeado por pessoas desconhecidas e nenhum sinal de Ibaraki, o que o deixou confuso e extremamente irritado por estar naquela situação. Trocando farpas com quase todo mundo (Principalmente Granbur), Shuten relutantemente acompanha o grupo após ouvir a promessa de que poderiam encontrar uma saída da estação de metrô. E assim aconteceu até se reencontrar com sua esposa novamente, enquanto o grupo fugia da cidade numa lancha controlada por Silas Silver.

Já a salvo, Shuten diz que gostaria de continuar com sua viagem, mas Ibaraki o convence a continuar com o grupo por enquanto dizendo que seria mais seguro entender o que estava acontecendo já que os dois também estavam presentes na hora do ataque à cidade.

Assim, o Ogrekin acompanha o resto dos heróis rumo à Ilha Mohai, onde tentam descobrir mais sobre o que aconteceu ao conversar diretamente com o líder do Front do Eclipse. Entretanto, Shuten logo descobre que o líder do front nada mais era do que alguém cheio de regras e crenças, como alguém que ele lembrava. Aversivo à isso, Shuten sai da cabana do líder enquanto os outros conversam em busca de algo para comer.

Captura e Ibaraki em perigo Edit

Shuten e os outros presenciam a tal aparição do salvador anunciado por Erkos anteriormente, sem muita vontade de realmente estarem ali. Ao ver o tanto de morte e destruição que o zahari trouxe, Shuten ergueu-se com bastante raiva e tentou golpeá-lo, mas em vão - o homem era muito mais ágil e forte que ele. Mais tarde, quando fora capturado, Shuten encheu-se de raiva ao ponto de quase ficar incontrolável dentro das jaulas que Erkos havia aprisionado-os, gritando e jurando vingança contra ele e o seu "salvador".

Durante os eventos da arena de mohai, Shuten mostrou-se bastante irritado e furioso contra Gillebeart, sempre jurando atacá-lo na hora em que fosse possível. Após a fuga do grupo da ilha, Shuten descobriu que Ibaraki e os outros estavam infectados por uma estranha droga injetada neles enquanto estavam inconscientes e que o grande causador disso era Gillebeart. A situação gerou bastante irritação e preocupação no ogrekin, que não suportava ver Ibaraki passando mal ao ponto de ficar inconsciente e ter sua vida terminada dentro de sete dias. Ele jurou então, encontrar uma cura.

Ao voltarem para Nadarka, Shuten entrou em conflito contra os membros da Ordem dos Paladinos de Tarilorn devido a natureza mais pacífica e dialética deles, em querer estudar os inimigos antes de agir. Explosivo e impulsivo, Shuten conseguiu irritar o até então calmo lider da ordem: Lucarde Uther, que mandou o ogrekin calar-se, embora sem muito sucesso. Mais tarde, Shuten e os outros encontraram-se com o paladino na Catedral da Luz, onde foram dadas direções para encontrar Gillebeart e, consequentemente, a cura para a droga injetada nos heróis e em Ibaraki.

Shuten seguiu o grupo, embora estivesse um pouco incrédulo e ansioso para que tudo se resolvesse logo. Ao descobrir que era uma silada, Shuten lutou ao lado de seus amigos contra os Falsos Recrutas e mais tarde contra Illiamiara e Yog, descobrindo que o zahari havia enganado o grupo ao se passar por Lucarde mais cedo na catedral e guiá-los até essa emboscada. Ainda mais furioso com a revelação de que Gillebeart havia raptado Ibaraki e Alya, Shuten não conseguiu se conter com tamanha raiva e transformou-se numa criatura monstruosa que rapidamente avançou contra Gillebeart quando o mesmo se revelou segurando Ibaraki em seus braços.

O ogrekin causou uma grande destruição não só em Nadarka mas também contra o Zahari devido a sua transformação, sendo capaz de ferí-lo gravemente durante o combate e obrigá-lo a fugir. Embora Shuten e os outros acreditem que ele esteja presumidamente morto, Gillebeart viu pela primeira vez um inimigo que foi capaz de causar serios danos contra ele. Exausto pelo esforço e a energia liberada, Shuten se destransformou e caiu inconsciente no local onde estava.

Prisão e julgamento Edit

No dia seguinte, Shuten encontrou-se contido na prisão de Nadarka, preso pelos braços, pernas e pescoço por largas correntes pesadas. Shuten também usava uma máscara de metal pesado, impedindo que ele se movimentasse muito ou tivesse chances de se transformar novamente. O ogrekin gritou por Ibaraki o tempo todo, querendo vê-la, quando Franz e Granbur (que estavam na cela ao lado) explicaram à ele que na noite anterior ele havia se transformado numa criatura horripilante. O choque da revelação parece ter preocupado Shuten mais ainda.

Mais tarde, Shuten foi levado à corte da cidade, onde seria julgado pelos quatro representantes das guildas da cidade: Tanya (Guilda da Luz), Ashford (Guilda do Ferro Azul), Josius (Guilda dos Artesões) e Fenylen (Guilda dos Aventureiros Livres). Shuten ficou bastante incomodado com a situação toda, sempre gritando e querendo sair dali para ver sua esposa (que também queria vê-lo, estando mais atrás numa bancada). Forçado a ficar, por dois guardas que o algemaram e forçaram o ogrekin a se ajoelhar, Shuten permaneceu enquanto resmungava e gritava.

Eventualmente, Tanya usou de uma aura restauradora para acalmar os nervos de Shuten, o que parece ter ajudado o processo do julgamento a começar.

Referências Edit

  1. http://openup.redpg.com.br/paginas/%28Shuten%29%20-%20Origens%20de%20Shuten.jpg
  2. http://openup.redpg.com.br/paginas/%28Shuten%29%20-%20Respostas%20a%20Franz.jpg
  3. http://openup.redpg.com.br/paginas/%28Shuten%29%20-%20Cozinhando%20com%20Ibaraki%20Douji.jpg

Galeria de ImagensEdit

Ad blocker interference detected!


Wikia is a free-to-use site that makes money from advertising. We have a modified experience for viewers using ad blockers

Wikia is not accessible if you’ve made further modifications. Remove the custom ad blocker rule(s) and the page will load as expected.